Foto: 123RF

O resultado de gravidez deu positivo, que emoção! No começo, entretanto, a gestante pode até se esquecer que está grávida por alguns instantes, já que as alterações físicas só aparecem depois de algumas semanas. Outro mudança que é um divisor de águas, digamos assim, são os movimentos do bebê. Aí não resta dúvidas: tem um bebê, sim, crescendo dentro de você! Mas quando, afinal, dá para senti-lo mexer?

Calma, que tem chão pela frente! Normalmente, a mulher começa a sentir que o bebê se mexe em torno de 20 semanas. Algumas mulheres sentem um pouquinho mais cedo, outras, um pouco mais tarde, dependendo da quantidade de gordura abdominal. As mães de segunda viagem podem identificar os movimentos, que muitas vezes são confundidos com gases!, com maior facilidade, pois já sabem o que esperar. O melhor de tudo, porém, é saber que tamanha movimentação do bebê significa vitalidade.

E com que frequência ele costuma se mexer lá dentro? O ideal é a futura mamãe sentir o bebê em movimento ao menos uma vez a cada seis horas.  Caso isso não ocorra, não é preciso se desesperar. Você pode “estimular” o bebê por meio da ingestão de alimentos doces como o chocolate, por exemplo. Isso porque a glicose é facilmente absorvida pelo organismo e vai chegar até via corrente sanguínea e placenta com rapidez.

Outra sugestão é movimentar o abdômen e mexer com cuidado a barriga para dar um “empurrãozinho” no pequeno de leve. No entanto, se depois de realizadas as tentativas de fazer o neném interagir (seis horas são consideradas normais, lembre-se!), procure seu médico com o objetivo de fazer um ultrassom para garantir que está tudo bem com o bebê. Mas isso raramente acontece, ok? Normalmente, a tendência é que ele se movimente bastante, especialmente se o seu dia a dia for bem ativo.

Muitas gestantes, por outro lado, tem a impressão de que o bebê se mexe mais de noite. O bebê ainda não consegue diferenciar o dia da noite nessa fase, porém. A explicação possivelmente está no fato de que, de noite, deitada na cama, você está mais relaxada e atenta ao baby. Por fim, uma dica: aproveite para interagir com o seu filho desde já, conversando, cantando e “tocando-o” na barriga. Se ele se mexer exatamente nesse momento, talvez não seja apenas coincidência!

 

Fonte: iT Mãe 



2016 © Copyright - Dr. Domingos Mantelli        

tel: 11 3051.3740 / (11) 3385-9797 | cel: 11 96101.8888

Dr. Domingos Mantelli | Ginecologista e Obstetra
CRM-SP 107.997 | RQE 36618

Design by formulaideal